Vício em pornografia. Entenda o impacto do excesso de pornografia na sua vida.

Pornografia realmente vicia?

 

Muito se fala em vídeo em pornografia. Será que isso realmente existe?

Será que isso não é apenas uma invenção de pessoas que querem te reprimir?

Nesse post, eu vou falar de alguns problemas que o uso excessivo da pornografia pode trazer para sua vida.

Não vou usar argumentos religiosos como: assistir pornografia é pecado. Vou usar argumentos concretos e apresentar dados baseados em estudos científicos.

11209

Sim, a pornografia vicia!

Muitos acreditam que só é possível se viciar em coisas como álcool, drogas, cigarros, remédios, etc.

Mas na verdade é possível se viciar em outras coisas, como por exemplo, a pornografia. Vou explicar com mais detalhes nesse post.

Comparação entre vícios e pornografia.

As drogas são caras e de difícil acesso. Drogas como cocaína são bem caras.

O álcool deixa bêbado e depois dá ressaca. Ele também pode dar cirrose hepática.

O cigarro dá doenças no pulmão, como o câncer.

 

A pornografia é algo de fácil acesso. Antigamente, você precisaria ir até uma banca para conseguir comprar uma revista. Com a popularização da internet, ficou cada vez mais fácil ter acesso a pornografia.

Ela pode ser acessada até mesmo de um celular, em qualquer hora e lugar.

Ela é barata, tem muito material gratuito disponível na internet. Algumas estatísticas mostram que tem mais de 400 milhões de páginas com pornografia na internet.

Aparentemente não causa nenhuma doença importante. Na verdade ela pode causar alguns problemas que vou explicar nesse post.

Aparentemente ela não representa um grande perigo para a pessoa que usa, ou para a sociedade. Parece ser algo inofensivo, mas não é bem assim.

maxresdefault

Impacto da pornografia

Estima-se que nos Estados Unidos cerca de 40 milhões de pessoas consomem pornografia de uma maneira regular. Eu acredito que na verdade esse número pode ser bem maior. Mas tem poucas estatísticas sobre esse assunto.

A indústria da pornografia é gigante e movimenta bilhões de dólares em todo o mundo.

Ao contrário das drogas, o vício em pornografia está intimamente associado a uma necessidade básica do ser humano, que é fazer sexo, se reproduzir. E por isso, pode ser mais difícil de se controlar.

Tanto o homem quanto a mulher podem se viciar, mas nesse artigo, vou falar sobre as consequências para o homem.

 

Como funcionam as drogas?

Elas atuam no cérebro, modificando o nível de determinadas substâncias que regulam o funcionamento cerebral, os neurotransmissores.

Essas drogas, como o cigarro, a cocaína e outras, aumentam muito os níveis de dopamina no seu cérebro. Essa substância é um poderoso neurotransmissor, responsável por uma sensação de bem estar. E é ela que causa o vício.

A dopamina fortalece as conexões entre os neurônios, facilitando que a pessoa repita a ação que gerou a liberação da dopamina.

 

Como funciona a pornografia?

Do mesmo modo, a pornografia também aumenta muito os níveis de dopamina no seu cérebro, causando prazer e também viciando.

A pornografia causa um efeito excitador e também causa um efeito relaxante. E isso realmente mexe com as emoções da pessoa que usa.

muo-nofap-feature3

Todas as pessoas viciam?

Não, algumas pessoas tem mais predisposição a se viciar.

Mas de modo geral, quanto mais a pessoa consome pornografia, mais provável vai ser ela se viciar.

Quanto mais jovem for a pessoa que consume pornografia, maiores as chances de se viciar.

 

Como seu cérebro funciona?

A pornografia engana o seu cérebro. Quando seu cérebro se expõe a pornografia, ele acredita que você vai fazer sexo com uma pessoa de verdade. Por isso ele libera uma grande quantidade de dopamina, para estimular que você faça sexo.

Esse mecanismo existe porque a nossa espécie precisa do sexo para se reproduzir, e a natureza cria esse estímulo para que a gente faça sexo.

Só que nesse caso, a pornografia é diferente do sexo de verdade e essa liberação de dopamina acaba sendo prejudicial pra você.

 

Dopamina no sexo de verdade e na pornografia

Uma diferença importante é que no sexo de verdade, o processo ocorre de maneira gradual, você demora um certo tempo pra conhecer a pessoa e fazer sexo com ela. Por isso, essa grande liberação de dopamina não causa problemas.

Quando você consome pornografia você recebe um estímulo e libera dopamina. Em questão de segundos pode ver uma foto de uma mulher diferente e ter um novo estímulo. Cada mulher que você vê, gera mais um estímulo para seu cérebro. O estímulo é muito maior do que o normal.

Durante uma sessão de consumo de pornografia, principalmente com a internet, você pode se submeter a centenas de novos estímulos, causando liberação de mais e mais dopamina.

Na internet tem uma quantidade imensa de pornografia, então algumas sessões podem durar horas, com estímulos muito fortes sobre o cérebro.

Comparando com o que acontecia há milhares de anos, os estímulos que você pode ter em uma sessão de 1 hora de pornografia podem ser maiores que um homem tinha durante toda a vida dele.

Então a pornografia pode causar um estímulo muito acima do que seria o normal e isso tem efeitos muito importantes no cérebro.

 

Brain-on-porn1

Mudanças cerebrais

Com o tempo, a pornografia causas mudanças no funcionamento cerebral.

Quanto mais uma pessoa vê pornografia, mais a pessoa fica viciada.

Existem mecanismos chamados vias neurais, que determinam como o cérebro funciona. Quando os neurônios fazem um mesmo tipo de ação repetidas vezes, essas vias neurais ficam cada vez mais fortes. O cérebro vai aprendendo a fazer aquela ação mais e mais vezes.

Isso faz a pessoa se acostumar a consumir cada vez mais pornografia e fica mais difícil parar de consumir.

 

Alterações nos receptores

Uma das mudanças que acontece no seu cérebro, é uma diminuição na quantidade de receptores de dopamina. Como a pornografia causa um aumento anormal de dopamina no cérebro, para se proteger, o cérebro acaba diminuindo os receptores de dopamina.

Com isso é preciso mais dopamina para sentir o mesmo efeito.

E isso vale não apenas para a pornografia, mas para todas as atividades. O prazer que você sentia ao fazer outras atividades é diminuído por causa da diminuição desses receptores.

Alguns estudos demonstram que a pornografia causa uma diminuição do cérebro chamada lobo frontal. Uma das funções dessa parte do cérebro é a lógica e tomada de decisões. Então isso pode ter consequências importantes.

 

Pornografia e Tolerância

Com o tempo, o seu cérebro vai precisar de mais e mais estímulos para conseguir o mesmo nível de prazer.

É o que acontece com as pessoas que usam drogas como o álcool, que precisam de cada vez mais bebidas para terem o mesmo efeito.

E isso ocorre também com a pornografia. Com o tempo, é possível que a pessoa tenha que ver mais pornografia, ver mais frequentemente, ou ver tipos diferentes de pornografia para que possa ter o mesmo tipo de prazer.

Algo que pode acontecer é a pessoa começar vendo um tipo de pornografia, algo mais leve e à medida que vai viciando, passa a procurar conteúdos cada vez mais pesados.

E pode ser muito difícil para algumas pessoas parar de consumir pornografia, já que o cérebro acaba ficando viciado nesse tipo de estímulo.

porn-addiction-picture

Dificuldade para largar o vício

Como a pornografia pode viciar, pode ser difícil para algumas pessoas largarem o vício.

Uma coisa que complica a situação é a facilidade que esse tipo de material pode ser acessado.

Outra coisa comum é ver pessoas que tentam parar, voltarem a consumir pornografia quando passam por algum tipo de situação muito estressante.

Em alguns casos, pode ser indicada a ajuda de um profissional qualificado.

 

Fases do vício

Alguns especialistas dividem o vício em pornografia em 5 fases

1 – exposição inicial –  você tem o contato inicial com a pornografia.

2 – vício – você consome pornografia constantemente, você não consegue parar

3 – escalação – você começa a mudar o tipo de pornografia que você consome, geralmente para coisas mais pesadas.

4 – dessensibilização: você começa a não se sentir mais estimulado pelas coisas que antes te excitavam.

5 – tentar fazer durante o sexo: alguns homens podem começar a tentar fazer as coisas que viram na pornografia, na vida real. Algumas vezes, tentam fazer coisas até ilegais ou perigosas, como por exemplo estupro.

 

Quando o vício realmente se torna um problema?

De modo geral, se torna um problema quando ele começa a afetar o seu dia a dia.

Alguns sinais de alerta:

Em casos mais graves é possível que a pessoa comece a se isolar e se afastar da mulher, dos amigos, família, colegas de trabalho.

A pessoa pode substituir a interação com pessoas de verdade por consumo de pornografia.

Você perde a noção do tempo quando está consumindo pornografia.

Afeta sua vida sexual e seus relacionamentos amorosos.

 

Efeito da pornografia nos adolescentes

Todo esse efeito da pornografia é pior ainda nos adolescentes, já que o cérebro deles funciona de maneira diferente. Eles têm mais dopamina que os adultos, e viciam de maneira mais fácil. Sem falar nos hormônios que se encontram em níveis elevados e estimulam ainda mais o consumo de pornografia.

 

Pornografia e insegurança

Muitas vezes, o homem que consome pornografia em excesso também pode ter sua auto-estima abalada.

Um exemplo simples é o homem que acha que tem um pênis pequeno porque fica se comparando com os atores pornôs, enquanto na verdade ele geralmente tem um pênis de tamanho médio.

Sem falar que o tamanho do pênis tem pouca importância na capacidade do homem fazer uma mulher ter muito prazer. Como ensinamos no nossos treinamentos, o importante é o homem saber o que fazer na cama. É isso que vai dar um grande prazer para a mulher.

psychguides-shutterstock254789563-couple_arguing-feature_image

Efeito da pornografia nos relacionamentos

A pornografia pode ser danosa para os relacionamentos.

Uma das razões é que a pornografia passa uma imagem muito irreal do sexo e o homem vê tanto, que passa a acreditar no que vê.

As mulheres na pornografia sempre são lindas e tem corpos perfeitos e sempre estão loucas de vontade de transar.

Os relacionamentos são algo que exigem tempo e energia, é algo que dá trabalho. A pornografia é algo fácil e rápido, e que causa um prazer instantâneo. Por isso tantas pessoas acabam se viciando.

Muitas vezes a pornografia é usada como uma fuga para pessoas com problemas em seus relacionamentos. Nesse caso, o homem acaba trocando uma mulher de verdade pela pornografia. E como a pessoa está fugindo dos problemas, o relacionamento nunca melhora, só piora.

Estudos mostram que homens que consomem mais pornografia tendem a estar mais insatisfeitos com suas parceiras, em relação a critérios como aparência, curiosidade sexual, performance sexual e demonstrações de afeto.

A mulher do homem viciado em pornografia costuma sofrer também. Muitas mulheres apresentam ansiedade, depressão e outro problemas emocionais. E logicamente a qualidade do relacionamento acaba caindo bastante.

Algo que ocorre frequentemente na pornografia, é a mulher ser mostrada como um objeto sexual, ou um animal. Há uma desvalorização das mulheres que muitas vezes não são consideradas como um ser humano. E isso acaba afetando a percepção de quem consome esse tipo de material.

Outra coisa que costuma acontecer é  mostrar que o valor de uma mulher depende exclusivamente de sua aparência física, ignorando completamente a inteligência e a personalidade dela. A pornografia trata a mulher como se fosse apenas um corpo atraente.

Em boa parte dos casos de divórcio, as pessoas envolvidas dizem que a pornografia contribuiu bastante para que o divórcio acontecesse.

maxresdefau lt

Impacto da pornografia na sua vida sexual

Pessoas que consomem muita pornografia, frequentemente tem uma diminuição da quantidade e da qualidade do sexo.

O sexo de verdade acaba sendo substituído pela ilusão da pornografia.

É como você deixar de comer comida de qualidade para ficar comendo fast food. E isso acaba trazendo um problema enorme na sua vida sexual.

 

Pornografia e ejaculação precoce

A pornografia pode favorecer a ejaculação precoce.

Nesse post eu falo com mais detalhes sobre a relação entre pornografia e ejaculação precoce.

http://prazer10x.com.br/2016/02/17/pornografia-e-ejaculacao-precoce/

 

Disfunção erétil e pornografia.

Muitas pessoas com vício em pornografia apresentam dificuldades para ter uma ereção.

Nesse caso, provavelmente a causa é de origem psicológica.

O homem fica tão acostumado com os estímulos da pornografia, que acaba tendo problemas na hora de fazer sexo de verdade.

 

A pornografia acaba sendo um alívio temporário para problemas como ansiedade, depressão e solidão.

Mas na verdade, no longo prazo, acaba fazendo esses problemas ainda piores. E no final, o homem acaba preso nesse círculo vicioso.

 

O que fazer se você tiver problemas com a pornografia?

Procure ajuda. Tem profissionais qualificados para te ajudar.

O problema não vai se resolver sozinho se você não fizer nada.

Quanto mais cedo você fizer algo para melhorar a situação, mais fácil vai ser pra você resolver esse problema.

O nosso cérebro tem a capacidade de se reestruturar e de se livrar do vício.

Algumas dicas:

Cuide bem da sua saúde.

Tenha uma alimentação saudável.

Faça exercícios físicos.

Tome medidas para dificultar o seu acesso à pornografia. Por exemplo apague todo o conteúdo que você tem no seu computador. Instale programas que impeçam o acesso a conteúdo pornográfico.

Tenha pessoas que possam te ajudar e te dar apoio.

Faça meditação.

Entenda que sair do vício é um processo que demora um certo tempo e requer bastante esforço.

 

Conclusão:

Acho que a melhor comparação com a pornografia é com o álcool.

Se você beber uma cerveja de vez em quando, não tem muito problema. Pode se uma coisa boa, pode ser divertido.

Se você beber demais, isso pode destruir a sua vida.

Com a pornografia ocorre o mesmo. Em pequenas doses, pode até ser algo benéfico.

Mas o seu uso abusivo pode ser muito prejudicial para sua vida sexual e para sua vida como um todo.

 

Sites recomendados:

http://fightthenewdrug.org

 

Como fazer uma mulher ter um prazer 10x maior?

Para saber mais como dominar as preliminares e aprender como dar muito prazer para uma mulher, clique nesse link e conheça mais sobre  o Método Prazer 10x.

banner Prazer 10x

Como fazer a mulher ter orgasmos todas as noites?

Para fazer a mulher ter orgasmos todas as vezes que vocês fizerem sexo, clique aqui e conheça o treinamento Orgasmo 100%.

Aprenda a maneira mais fácil de fazer a mulher tenha orgasmos vaginais

Conheça o treinamento Dedos Mágicos, onde eu te ensino a técnica da águia, que é uma das minhas técnicas sexuais preferidas.

Ela te possibilita fazer a mulher ter poderosos orgasmos vaginais de uma maneira fácil e rápida.

banner dedos

Aprenda um exercício fácil e rápido para te ajudar a ter ereções muito mais fortes.

banner capt

Conheça o nosso canal do YouTube.

Curta nossa página do Facebook.

Siga nosso Instagram.

 

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *